Notícias

Tortelli confere descaso com cooperativa de recicladores em Eldorado do Sul

  • 08/05/2018
Category:

Notícias

O presidente da Comissão de Saúde e Meio Ambiente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Altemir Tortelli (PT), esteve na manhã desta terça-feira, 8 de maio, conferindo a situação da Cooperativa de Catadores Novo Delta, em Eldorado do Sul. Atualmente, a cooperativa reúne sete trabalhadores, que retiram, em média, R$ 500 por mês. No entanto, por meio do Projeto Ecoprofetas, mais de 40 recicladores já trabalharam no local, obtendo renda superior a R$ 800 mensais. “A Prefeitura se comprometeu a viabilizar a atividade dos catadores. Porém, o que se vê é um descaso e o não cumprimento de um acordo. Trata-se de uma situação triste e indignante frente ao alto número de desempregados que temos no país”, apontou Tortelli.

Juntamente com o presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT-RS), Claudir Nespolo, o deputado pretende encaminhar uma audiência pública para tratar da situação da cooperativa. Somente no galpão, que tem cerca de 600 metros quadrados, foram investidos R$ 200 mil em equipamentos, como prensa e esteira. A área, contudo, compreende um total de 2,1 mil metros quadrados para que fossem utilizados para os catadores e, também para um Centro de Educação Ambiental. “Entretanto, nada disso foi cumprido. Estamos com poucos trabalhadores e com nossa renda diminuindo cada vez mais”, denunciou o coordenador da Cooperativa, Fernando Henrique da Costa Alves.

A Novo Delta foi instalada com base na Lei Federal 12.305, que institui a Política Nacional de Resíduos Sólidos. Segundo os catadores, o ciclo previsto na legislação não é seguido pelo Município, que é de envolver Poder Público, empresários, comerciantes, distribuidores e recicladores, gerando emprego e renda. “É necessário viabilizar condições de trabalho e a ampliação do espaço para mais pessoas, que já passaram por aqui e, hoje, estão desempregadas”, salientou Tortelli.

Tags: ,