Notícias

Lideranças recorrem ao TCE sobre privatização dos serviços de água no RS

  • 06/03/2018
Category:

Notícias

A possibilidade de que serviços de tratamento e abastecimento de água em diversos municípios gaúchos sejam privatizados foi tema de reunião no Tribunal de Contas do Estado (TCE) na manhã desta terça-feira, 6. O procurador-geral do Ministério Público de Contas (MPC), Geraldo da Costa da Camino, recebeu deputados e demais lideranças, todos preocupados com os movimentos que ocorrem nas cidades. Recentemente, na Assembleia Legislativa, foi retomado o debate sobre a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que obriga gestor es públicos municipais a consultarem a população antes de qualquer ação relacionada à privatização dos serviços.

Uma das situações relatadas no encontro foi a de Erechim. Lideranças da cidade entregaram ao procurador-geral documentos que comprovam a intenção do governo do PSDB em privatizar os serviços de água por meio de decreto, sem consulta à população. Da Camino confirmou que estará atento aos movimentos nos municípios e que manterá um canal direto com os parlamentares e os demais representantes.

“Qual a necessidade de entregar o serviço à exploração da iniciativa privada? Quais são os interesses? A relação entre a Corsan e o governo municipal foi potencializada durante o governo de Tarso Genro e, agora, o município corre o risco de ter aumento de tarifas e precarização dos serviços”, questionou o deputado estadual Altemir Tortelli (PT). O parlamentar esteve acompanhado dos colegas Jeferson Fernandes (PT) e Valdeci Oliveira (PT), do presidente do Sindiágua/RS, Leandro Almeida, do representante do Sindiágua em Passo Fundo, Natalino da Silva, do representante do Sindiágua em Rio Grande, Fábio Jean Gonçalves, e dos integrantes do Fórum Popular em Defesa da Água de Erechim, Fábio Adamczuk e Neori Pavan.

 

 

Tags: , , , , ,